quinta-feira, 11 de junho de 2009

Aí dentro!

Bem bem bem... Este talvez seja meu último post antes dos administradores me expulsarem por levar o blog a um nível tão decadente, acho que esse deve ser um dos piores que poderei produzir.

Num momento de “falta-de-coisa-mais-interessante-pra-mostrar” da televisão brasileira, o público cearense se apega a sua representativa TV Diário e vive dias de glória com a diversidade de atrações do Programa Ênio Carlos, uma espécie de Gugu sem grande poder aquisitivo local.

A brilhante produção do programa decidiu “criar” um concurso que elegeria a Musa do trash cearense. MISS CATIROBA é antes de tudo um referencial antropológico para estudarmos a que nível uma pessoa pode descer em busca de auto-promoção. Críticas a parte, foi graças ao MISS CATIROBA, que uma diva foi descoberta. Em tempos de Stefhanie e seu CrossFox, Nazaré desponta como ícone da cultura pop.

Sua história é comum a de muitos nomes da moda nacional. Estava ela displicente comprando DVDs piratas no centro da cidade, quando, em plena Praça do Ferreira, um olheiro da produção percebeu todo seu potencial e ela alçou por mérito próprio todo o sucesso que merecia. Notem como Nazaré agarra-se a essa oportunidade e grita palavras de extrema profundidade inclusive interferindo na apresentação das concorrentes pra garantir sua consagração.

Percebam agora o carisma e toda expressão artística e oral desta New DIVA!


Vídeo 1 – a partir de 5min47s


Vídeo 2



Na falta do que dizer, Nazaré é sucinta!
AÍ DENTRO!!(totalmente auto-explicativo)

3 comentários:

Aline Veloso disse...

haaaiuauiahiuahauihaiuhiua
morri!
huaaiuahiauaaihaiaua

Dorei, Davis!!!
Nada de ser expulso do blog...

Diego disse...

kkkk
Bora já "fazê sabão"!!
kkk
dorei²

caetano disse...

Rsrs... A q ponto chegamos...!?!? É a cultura da massa, a cultura da miss catiroba. Bom texto.

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails