quinta-feira, 2 de julho de 2009

DAY 6 SPFW

SEGUNDA (22.06)
15h - Isabela Capeto
16h - Wilson Ranieri
17h - Movimento
18h - Alexandre Herchcovitch (masc)
19h - Reserva -
20h15 - Samuel Cirnansck
21h30 - André Lima -

ISABELA CAPETO

Abrindo com um trabalho cuidadoso de estamparia e floral, a mulher da marca ganha ares domésticos que poucas vezes soou tão classudo. Trazendo peças que soltas dão up em qualquer visual, a padronagem de estampas e a cartela de cores é beeem “doméstica e militar”. O macacão em tons de verde dá um Q de fim de feira, os vestidinhos super marcados dão ar de mocinha, as peças intercalando brilho e transparência tem modernidade e não pesam no exagero. É lavar a louça e ir pra noite...

WILSON RANIERI

A cartela de cores é nos padrões navy, e as peças são todas estruturadas em cima de lenços e bandanas, é simples assim que o estilista desdobra os seus 20 looks pela passarela. Com predominância nos looks curtíssimos, as composições não personificam a proposta que parece ser de uma mulher sexy e pronta pra pegar o carro e ir ver o pôr-do-sol, tudo muito bom, mas podia ser melhor.

MOVIMENTO

Com uma coleção bem happy e divertida, a Movimento trouxe pra passarela um trabalho jovem e romântico de moda praia com muito babadinho e misturas de padronagem. O trabalho de estampas está em todas as peças, com muito floral e folhas estilizadas... bem verão. A cartela de cores é diversa, e mistura tons neutros de branco e creme com outros mais quentes como roxo, azul, verde e cereja. Todos os modelos são bem diversificados uns do outro e garantem uma boa praia pra qualquer mulher.

ALEXANDRE HERCHCOVITCH (masc)

Com inspiração suuper inglesa, o homem de Herchcovitch surge em alfaiataria clássica com muito terninho e calças de cavalo baixo abotoadas. O padrão é todo em preto e branco com derivações pro cinza, mas há sempre peças pra quebrar a seriedade do look, enquanto umas vêm com pequenos pontos fluo (em gravatinhas ou guarda-chuvas), outras vem com trabalho em paeté metalizado(coletes e casaquinhos). Ponto também pro bolero masculino, pro Max macacão e pros caimentos justíssimos de outras peças... Foi de uma classe...

RESERVA

De volta à moda masculina, a marca Reserva propõe uma variedade absurda pros looks com peças todas frouxas e folgadas. Vamos lá! Pra começar tem um safári, aproveitando o buum dos tons nudes e intercalando com estampas animais. A seguir, começa a proposta “safada” da marca, dando cor às peças com tricô telado e metalizado, seguidas de misturas de nude com azul, resultando em composições geométricas de tons verdes. A coleção perde um pouco o gás quando os looks ganham tons de azul, sem novidade. O final é bem colorido, peças trabalhadas em uma estampa caleidoscópica acendem quando misturadas com outras já vistas nos looks anteriores.

SAMUEL CIRNANSCK

A moda verão de Samuel Cirnanski ganha tons cubanos e caribenhos. Pra começar, looks P&B com bastante babado e que logo ganham leitura brega-chique em cores de amarelo ovo e muito brilho. A partir da metade, o desfile se volta pros longos, e abandona o tom divertido e diferente das outras peças... perde força. É assim, com um começo de cair o queixo em cores e divertidos modelitos, e um final com uma cartela “previsível” de tons nudes e estampado neutro em vestidos vaporosos (marca do estilista) que a coleção esfria um verão que começara up.

ANDRÉ LIMA

O estilista fecha o SPFW (1° aqui do Senzala de Madame), fato que mostra como ele em pouco tempo ganhou tamanho reconhecimento. MERECIDO! André Lima é responsável por looks que garantem o glamour e a novidade de uma moda beeem brasileira com muita cor e estampas, onde segundo o estilista se “entrecruzam grafismos, assimetrias, vestidos híbridos, drapeados e volumes”. Os vestidos meio com pontas são propostas que garantem o poder criativo da marca. As misturas exageradas e em excesso de cores, volumes e transparências poderiam ser perigosas, mas caem tão bem que enchem a passarela. Sem economizar na cor (depois de tanto nude...), André Lima nada contra a corrente... e não morre na praia desse Verão.

E o Senzala encerra por aqui a cobertura atrasadíssima do São Paulo Fashion W, e espera ter informado um pouco do que rolou de mais legal na moda nacional... A colaboração das fotos foi do site da Erika Palomino, e que junto com o Chic da Gloria Kalil serviram de base pras postagens.. dá uma passada lá hein.. Teh mais.

2 comentários:

Ouse disse...

fantástico esses teus posts, Davi!
Ainda bem que tu ta assumindo a frente do blog nesse momento, já que eu to ausente por causa da viagem
mas prometo que vou ser uma correspondente fiel e vou postar coisas legais de lá
XD

Natália disse...

Muito legal essa sequencia de post...
deu pra ver q o Spfw seguiu muuita tendência

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails